Novo suspeito é detido por relação com atentados de Bruxelas

Bruxelas, 17 jun (EFE).- Um homem de 31 anos foi detido por sua suposta vinculação com os atentados cometidos no aeroporto de Zaventem e no metrô de Bruxelas no último dia 22 de março, informou nesta sexta-feira a procuradoria federal da Bélgica.

Youssef E.A., nascido em 4 de agosto de 1985 e de nacionalidade belga, foi privado de liberdade e posto sob ordem de detenção, segundo o comunicado do Ministério Público.

O suspeito é acusado de participar de atividades de um grupo terrorista, assassinatos em um contexto terrorista e tentativas de assassinatos nesse mesmo contexto, em grau de autor, coautor ou cúmplice.

A procuradoria ressaltou que, pelo interesse da investigação, não comunicará mais dados sobre esta nova detenção.

Com o novo suspeito são já oito as pessoas presas no marco das investigações dos atentados de Bruxelas.

Precisamente hoje aconteceu em Bruxelas a reconstituição dos preparativos do atentado na estação de metrô de Maelbeek, que aconteceu "sem incidentes", segundo a procuradoria federal.

Cinco suspeitos da investigação dos atentados de Bruxelas participaram da reconstituição: Osama Krayem, os irmãos Smaïl e Ibrahim Farisi, Ali el Haddad Asufi e Bilal el Makhoukhi.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos