Combates contra jihadistas matam 48 milicianos de aliança líbia em Sirte

Trípoli, 21 jun (EFE).- Pelo menos 48 milicianos da aliança formada pelo governo de unidade da Líbia morreram e dezenas ficaram feridos em combates contra grupos jihadistas na cidade de Sirte, informaram à Agência Efe fonte médicas.

Os combates se intensificaram nesta manhã nos arredores e no eixo norte da cidade, onde as tropas da aliança tentam progredir apesar da grande quantidade de minas e franco-atiradores deixados pelos jihadistas em sua fuga.

Segundo um responsável militar da aliança, os enfrentamentos mais duros foram travados durante o dia no bairro periférico de Al Gharibat, no cruzamento de Al Zafran e no chamado "bairro 700", pontos estratégicos para chegar ao centro urbano onde resistem os jihadistas.

Apoiada por unidades de artilharia, que bombardeou posições e depósitos de armas ainda em poder dos jihadistas, a infantaria ligada ao governo de unidade tenta, por sua parte, cortar as vias de provisão para os franco-atiradores e comandos suicidas que ainda combatem ali, detalhou.

Neste sentido, e perante uma iminente nova ofensiva, a aliança pediu hoje à população civil que abandone Sirte o mais rápido possível, em particular os bairros onde o braço líbio do Estado Islâmico estabeleceu seu centro de comando.

Forças da citada aliança conseguiram no último dia 11 de junho romper a resistência e conquistar o porto desta cidade, situada cerca de 400 quilômetros ao leste de Trípoli e transformada desde junho de 2015 no principal bastião dos jihadistas no litoral do Mediterrâneo.

No entanto, a presença de franco-atiradores e a grande quantidade de minas plantadas em sua retirada impedem desde então o avanço e a conquista definitiva da cidade na qual nasceu e morreu anos depois espancado por uma multidão o ditador líbio, Muammar Kadafi.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos