Polícia detém mais um suspeito por falso alerta de bomba em Bruxelas

Bruxelas, 21 jun (EFE).- Um segundo indivíduo relacionado com o falso alarme de bomba no centro comercial City 2, em Bruxelas, foi detido nesta terça-feira no distrito de Schaerbeek, informaram o jornal "Le Soir" e a emissora "RTL" em seus sites.

O segundo suspeito detido seria o motorista do carro que supostamente transportou o outro cidadão preso, que portava um cinturão de explosivos falso, até o centro comercial esta manhã, segundo o "Le Soir" e a "RTL".

"O motorista foi detido e prestará depoimento nas próximas horas", indicou a porta-voz da procuradoria de Bruxelas, Rym Kechiche, em declarações veiculadas pela "RTL".

"As investigações continuam, vamos comprovar os antecedentes desta pessoa e interrogá-la para conhecer seu envolvimento no transporte do primeiro detido para a rue Neuve (uma rua comercial de Bruxelas)", acrescentou Rym.

No interrogatório com a polícia, o jovem de 26 anos, que responde às iniciais J.B. e que tem histórico de problemas psiquiátricos, descreveu com detalhe o automóvel no qual tinha chegado até o centro comercial, que foi encontrado em uma rua de Schaerbeek.

Graças aos detalhes oferecidos na conversa, as forças de segurança encontraram o veículo e, pouco depois, o motorista, que foi detido, nesse mesmo distrito de Bruxelas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos