Obama pede diálogo e respeito ao referendo revogatório de Maduro na Venezuela

Ottawa, 29 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu nesta quarta-feira diálogo entre o governo e a oposição na Venezuela, a libertação dos presos políticos do país e o respeito ao referendo revogatório que pode tirar Nicolás Maduro do poder, uma posição que é compartilhada pelo presidente do México, Enrique Peña Nieto, e pelo primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

"À luz da situação muito grave na Venezuela, e dada às dificuldades cada vez piores enfrentadas pelo povo venezuelano, pedimos ao governo e a oposição para realizar um diálogo significativo", disse Obama em entrevista coletiva após o término da Cúpula de Líderes da América do Norte, realizada em Ottawa.

"Os presos políticos devem ser libertados, o processo democrático deve ser respeitado. E isso inclui os legítimos esforços para realizar um referendo revogatório que seja coerente com a lei venezuelana. O governo de Nicolás Maduro deve respeitar o estado de direito e a autoridade da Assembleia Nacional", completou Obama.

A oposição venezuelana pressiona para conseguir a ativação de um referendo para tirar Maduro do poder, um processo que os EUA consideram legítimo por estar contemplado na Constituição.

Obama também falou hoje com os líderes de Canadá e México sobre o processo de paz na Colômbia, onde o governo e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) estão perto de assinar um "histórico acordo", lembrou o presidente americano.

"Nossos três países vão ajudar os colombianos a eliminar as minas terrestres, um exemplo dos esforços para solidificar o que foi uma negociação muito difícil", indicou Obama.

"Estamos ajudando nossos aliados na América Central a reduzir a pobreza e a violência que levaram tantas famílias e crianças a fazer uma viagem tão extraordinariamente perigosa para fugir de circunstâncias difíceis", completou o presidente dos EUA.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos