Exército dos EUA retira proibição de recrutamento de trangêneros

Washington, 30 jun (EFE).- O Exército dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira que retirou a proibição de recrutamento de transgêneros, com o argumento de que as Forças Armadas devem poder dispor dos soldados mais qualificados, à margem de sua orientação sexual.

Em entrevista coletiva no Pentágono, o secretário de Defesa dos EUA, Ashton Carter, anunciou a retirada da restrição, justificando também que lhe consta que já há transexuais servindo no Exército hoje em dia - embora não abertamente - e que a profissão militar deve ser aberta a todos os americanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos