Mercosul realiza 20ª Cúpula Social por "mais democracia e cidadania"

Montevidéu, 30 jun (EFE).- O Mercosul realizará entre hoje e amanhã a 20ª edição da Cúpula Social por "mais democracia e cidadania", na qual representantes de organizações civis do bloco abordarão este e outros temas em Montevidéu.

Nesta oportunidade o encontro de representantes de Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai, Venezuela e Bolívia, este último no processo de adesão ao bloco, coincide com a comemoração dos 25 anos desta iniciativa multinacional.

"O encontro vai acontecer em um momento em que vivemos, não só no Mercosul nem América Latina, crises econômica, comercial e política e as cúpulas têm o objetivo de buscar com prioridade a integração e garantir os direitos sociais da cidadania", disse o alto representante-geral do Mercosul, o brasileiro Florisvaldo Fier.

Segundo ele, nesta edição serão estudadas as conquistas e os próximos passos do plano estratégico de ação social. Fier explicou que, pelo regulamento, as definições obtidas desta cúpula serão entregues à próxima presidência pró témpore do grupo, que será assumida pela Venezuela em breve em reunião de chanceleres, e nesta instância será analisado o que pode ser colocado em prática pelos agrupamentos sociais.

"Numa cúpula como esta fazemos um debate sobre como superar os déficits democráticos, porque todo país tem certo déficit democrático. A Cúpula Social tem o papel de diminuir isso", afirmou.

Entre os temas que serão abordados durante os dois dias de debate destacam-se os desafios do Mercosul na realidade política e geopolítica atual, a democracia e conjuntura, a construção da cidadania regional e como e por que defender a integração da região. EFE

rmp/cdr

(foto) (vídeo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos