Sacerdote hindu é morto a facadas em Bangladesh

Nova Deli, 1 jul (EFE).- Um sacerdote hindu foi assassinado a facadas nesta sexta-feira na província de Khulna, no sul de Bangladesh, no quarto ataque contra esta minoria religiosa em menos de um mês e no meio da onda de ações extremistas que castiga o país, informou uma fonte oficial à Agência Efe.

Três homens atacaram o religioso por trás quando ele estava recolhendo flores por volta das 5h20 (hora local) no distrito de Jhenaidah, afirmou o subcomissário da Administração local, Mohammad Mahbub Alam Talukder.

A vítima, de aproximadamente 40 anos, recebeu golpes de faca no pescoço e cabeça e morreu a caminho do hospital, disse a fonte, não descartando que o caso pode ter sido um ataque islamita.

Este é o segundo assassinato de um sacerdote hindu em Jhenaidah em menos de um mês, depois que um idoso religioso morreu no dia 7 de junho, também nas mãos de um grupo de três pessoas.

O subcomissário afirmou que ainda não prendeu nenhum suspeito da morte do sacerdote, mas mostrou confiança que em breve a polícia encontre os responsáveis.

Além dos dois sacerdotes, nas três últimas semanas o responsável por um centro de meditação hindu foi assassinado, enquanto um professor universitário da mesma religião foi ferido de gravidade em outro ataque.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos