Papa condena violência insensata e atos bárbaros em Bangladesh

Cidade do Vaticano, 2 jul (EFE).- O papa Francisco condenou neste sábado a "violência insensata" registrada ontem no ataque em Daca, capital de Bangladesh, e classificou o atentado, reivindicado pelo Estado Islâmico (EI) e no qual morreram pelo menos 28 pessoas, de "atos bárbaros que ofendem a Deus e à humanidade".

A Santa Sé informou que o pontífice fez essas reflexões em mensagem de condolências enviada às famílias das vítimas através do secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin.

"Tristemente afetado pela violência insensata perpetrada contra vítimas inocentes em Daca, o papa Francisco expressa seu mais profundo pêsame e condena tais atos bárbaros que ofendem a Deus e à humanidade", disse o pontífice na mensagem.

O papa afirmou que dedicará suas orações às famílias dos mortos e aos feridos no ataque ao restaurante do setor diplomático da capital de Bangladesh.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos