Rainha Elizabeth II fala sobre "momento de desafio" no parlamento da Escócia

Londres, 2 jul (EFE).- A rainha Elizabeth II destacou neste sábado a importância de manter a calma em um "mundo de desafios", em discurso para abrir a nova legislatura do parlamento da Escócia.

A monarca do Reino Unido, de 90 anos, disse aos membros do parlamento de Holyrood (Edimburgo) que o mundo está cada vez mais "complexo e exigente". Além disso, frisou que os eventos de hoje em dia "se desenvolvem em uma velocidade extraordinária".

Elizabeth II abriu a sessão no parlamento da Escócia dias depois de os britânicos terem votado a favor do "brexit" - a saída da União Europeia - no referendo do dia 23 de junho, o que provocou uma grave crise política e a renúncia do primeiro-ministro, David Cameron.

Acompanha pela ministra principal da Escócia, Nicola Sturgeon, a rainha destacou que os tempos atuais "trazem esperança".

"Certamente que todos vivemos e trabalhamos em um mundo cada vez mais complexo e exigente, no qual os eventos podem e ocorrem em uma velocidade extraordinária, e ter a capacidade de manter a calma e permanecer sereno pode ser às vezes difícil", disse Elizabeth II.

A chefe de Estado britânica também destacou a necessidade de pensar com serenidade a fim de observar como os "desafios e oportunidades" podem ser abordados da melhor maneira possível.

O discurso de Elizabeth II coincide com um momento tenso na Escócia, depois de a região ter votado a favor da permanência da UE, enquanto outros membros do Reino Unido aprovaram o "brexit".

Sturgeon indicou que fará o possível para defender os interesses da Escócia na UE e tem reiterado a possibilidade de convocar outro referendo de independência da região, após o realizado em 2014, quando os escoceses rejeitaram a cisão do Reino Unido.

Por sua vez, Sturgeon destacou hoje no parlamento a importância de que os deputados mostrem "coragem e determinação" para ajudar os escoceses. Além disso, a ministra principal destacou que o dever dos políticos é "nunca diminuir nosso lugar no mundo", em clara referência aos vínculos com o bloco comunitário.

"Nosso compromisso coletivo para o povo da Escócia é que não devemos fugir de nenhum dos desafios que enfrentamos, sem importar quão difícil ou profundos eles sejam. Hoje, ao celebrar um novo começo, olhemos com esperança para trabalhar sem descanso pelo bem de todos os escoceses e, ao fazê-lo, ter nossa participação em uma Europa mais forte e em um mundo melhor", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos