"Brexit" não atrapalhará acordo com Mercosul, diz embaixador da UE no Uruguai

Montevidéu, 4 jul (EFE).- A saída do Reino Unido da União Europeia (UE) não irá atrapalhar as negociações para firmar um tratado de livre-comércio entre o bloco e o Mercosul, apesar de as conversas não serem as mesmas sem a presença britânica, disse nesta segunda-feira o embaixador da UE no Uruguai, Juan Fernández Trigo.

"As negociações são conduzidas pela Comissão Europeia, que está consultando os países-membros. Ela tem as competências comerciais, portanto pode negociar para 27 (países) como para 28", disse o diplomata sobre a decisão do Reino Unido de sair do bloco após o referendo realizado no último dia 23 de junho.

"É certo que o Reino Unido é uma potencial comercial importante e negociar excluindo um parceiro tão relevante não é o mesmo, mas isso não irá entorpecer a mecânica da negociação", disse o representante da UE no Uruguai.

O embaixador lembrou que particularmente nas negociações com o Mercosul - integrado por Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela -, o Reino Unido "sempre esteve a favor" e se mostrou "muito disposto a apoiar o acordo".

"Desse ponto de vista, podemos dizer que perderemos um dos países mais decididos em favor do acordo, mas até eles apresentarem a notificação, todos os efeitos são de um estado-membro", disse Fernández Trigo sobre o fato de os britânicos ainda não terem acionado o recurso previsto no artigo 50 do Tratado de Lisboa para dar início ao processo de saída do bloco.

Após vários anos de estagnação, na UE e o Mercosul retomaram as negociações para concretizar um possível acordo de livre-comércio no último dia 11 de maio, com conversas lideradas com o Uruguai, e que tomaram novos rumos com o consentimento dos governos de Argentina, Brasil e Paraguai.

Às vésperas desse último diálogo, Fernández Trigo ressaltou a importância de respeitar os procedimentos e o da "necessidade" de fechar o pacto. Além disso, ele parabenizou o ministro das Relações Exteriores do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, pela gestão para catalisar a volta do Mercosul às negociações.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos