Autor de massacre de Dallas esteve no Afeganistão com o Exército dos EUA

Washington, 8 jul (EFE).- Micah Xavier Johnson, principal suspeito do massacre cometido ontem à noite em Dallas, que deixou cinco policiais mortos e nove pessoas feridas, esteve no Afeganistão com o Exército dos Estados Unidos de novembro de 2013 a julho de 2014, informou a imprensa americana nesta sexta-feira.

Johnson, um homem negro de 25 anos, também era reservista do Exército, de acordo com a rede de televisão "NBC".

O suspeito, que foi morto pela polícia enquanto estava entrincheirado em um estacionamento, parece ter sido o único participante do ataque aos policiais a ter feito disparos, ainda segundo a imprensa local.

Enquanto estava no estacionamento, cercado por policiais, e trocando tiros com os agentes, Johnson fez várias ameaças e disse que "queria matar pessoas brancas, especialmente policiais brancos", detalhou em entrevista coletiva o chefe da Polícia de Dallas, David Brown.

Durante seu período no Afeganistão, o suspeito prestou serviço em uma brigada de Engenharia e recebeu várias distinções, entre elas uma medalha pela luta global contra o terrorismo, segundo a "NBC" e o jornal local "The Dallas Morning News".

O ataque aconteceu quando grupos de manifestantes, da mesma forma que ocorria simultaneamente em outras grandes cidades dos EUA, como Nova York, Los Angeles e Atlanta, protestavam pela violência policial contra negros, em especial dois casos que aconteceram nesta semana.

O primeiro deles foi o de Alton Sterling, baleado à queima-roupa e morto na última terça-feira por dois policiais brancos que já o tinham imobilizado no chão em Baton Rouge, no estado da Louisiana. O segundo foi o do jovem Philando Castile, ocorrido no dia seguinte em Falcon Heights, em Minnesota. Ele morreu após receber tiros de um policial que o havia abordado por que seu veículo estava com a lanerna traseira quebrada. O assassinato foi transmitido ao vivo pelo Facebook pela namorada do rapaz.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos