Tempestade em Moscou deixa um morto e vários feridos

Moscou, 14 jul (EFE).- Pelo menos uma pessoa morreu e 30 foram hospitalizadas por uma "histórica" tempestade que castigou Moscou e seus arredores na madrugada desta quinta-feira, com rajadas de vento de até 90 km/h que derrubaram mais de mil árvores.

Dois dos feridos receberam tratamento após serem atingidos por um raio, segundo as autoridades sanitárias da capital russa.

"Uma das tempestades mais fortes dos últimos anos. Mais de mil árvores caíram", escreveu em seu Twitter o prefeito de Moscou, Sergei Sobianin.

Mais de 120 carros, sinais de trânsito e outras infraestruturas urbanas sofreram danos pela tempestade, que também deixou algumas ruas inundadas.

Os serviços de emergência trabalham desde a madrugada para retirar as árvores caídas e resolver os danos causados pelo vento e a chuva.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos