Erdogan afirma que golpe é "presente de deus" para limpar o exército

Istambul, 16 jul (EFE).- O presidente da Turquia, o islamita Recep Tayyip Erdogan, qualificou neste sábado a tentativa de golpe de Estado em seu país como um presente de deus que permitirá limpar o exército.

"Este levante, este movimento é um grande presente de deus para nós. Porque o exército será limpado", afirmou o presidente em entrevista coletiva logo após aterrissar em Istambul, assegurando que os golpistas pagarão caro por sua "traição".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos