Erdogan envia mensagem de celular a turcos pedindo que defendam a democracia

Ancara, 16 jul (EFE).- O presidente da Turquia, o islamita Recep Tayyip Erdogan, enviou neste sábado uma mensagem de celular a milhões de usuários, pedindo aos cidadãos que saiam às ruas para defender a democracia do país.

"Queridos filhos da nação turca. Isto é uma tentativa (de golpe) de um reduzido grupo como (ocorreu) nos anos 1970 contra a nação", diz a mensagem.

"Honorável nação turca, defenda tua honra, defenda teu país. Defenda tua democracia e tu paz", prossegue Erdogan.

"Peço que saiam às ruas contra de este reduzido grupo para defender sua democracia, sua nação. Defenda seu Estado", conclui a mensagem de texto.

Pelo menos 161 pessoas morreram e 1.440 ficaram feridas durante a tentativa de golpe, que começou ontem às 22h local (16h, em Brasília) e que o governo assegura ter neutralizado.

Dezenas de soldados golpistas, entre 20 e 104 segundo as fontes, morreram durante a tentativa golpista, a mais sangrenta em décadas na Turquia, uma país membro da Otan.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos