Explosão de morteio no Afeganistão mata quatro crianças

Cabul, 17 jul (EFE).- Pelo menos quatro crianças morreram e outras três ficaram feridas após a explosão de uma peça de artilharia com a qual brincavam na província de Baghlan, no norte do Afeganistão, informou neste domingo à Agência Efe uma fonte oficial.

A explosão aconteceu na tarde do sábado na área de Surkhkotal, quando as "crianças brincavam com uma velha peça de artilharia" sem detonar, afirmou o porta-voz do governador provincial, Mahmoud Haqmal.

Segundo o porta-voz, todas as vítimas têm entre 8 e 12 anos e embora as três crianças feridas estejam internadas no hospital provincial, não correm perigo, anotou.

Haqmal explicou que apesar de a área onde ocorreu o incidente ter sido palco de enfrentamento entre as tropas afegãs e os talibãs durante o último ano, o morteiro que explodiu datava da guerra civil que assolou o país nos anos 90.

A ocupação soviética nos anos 80, a posterior guerra civil até a ascensão dos talibãs em 1996 e a ocupação das tropas dos Estados Unidos e da Otan desde 2001, deixaram centenas de milhares de artefatos explosivos disseminados por todo Afeganistão.

Além disso, atualmente o recurso de minas e artefatos explosivos seguem sendo uma das táticas mais utilizadas pelos talibãs em sua luta para expulsar as forças afegãs e internacionais do Afeganistão e retornar ao poder.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos