Terrorista de Nice armazenava fotos de Bin Laden e de violência jihadista

Paris, 18 jul (EFE).- O terrorista que causou 84 mortes na quinta-feira passada em Nice, no sul da França, tinha baixado em seu computador há poucas semanas imagens extremamente violentas de crimes cometidos pelo Estado Islâmico (EI) como decapitações, assim como fotos de líderes jihadistas como Osama bin Laden e Mokhtar Belmokhtar.

O promotor da República, François Molins, explicou em um comparecimento perante a imprensa que até o momento não foi encontrada qualquer prova de que o tunisiano Mohamed Lahouaiej-Bouhlel tivesse jurado lealdade ao EI nem que tivesse contato com membros dessa organização.

Segundo Molins, o autor da ação tinha mostrado um "interesse certo, mas recente" pelo movimento jihadista, e destacou que "a radicalização pode produzir-se mais rapidamente quando é dirigida a mentes perturbadas". As apreensões do celular, achado na cabine do caminhão, e do computador, que tinha em sua casa, indicam um alto grau de premeditação do crime.

Entre os dias 1 a 14 de julho, ele procurou na internet trechos do Corão, cânticos religiosos e informação sobre os recentes massacres em Orlando e Dallas, ambos nos Estados Unidos, apesar do último ter motivos puramente raciais, e em Magnanville, perto de Paris, onde um homem que tinha jurado lealdade ao EI assassinou um casal de policiais.

Segundo o depoimento de uma das seis pessoas que continuam sob detenção após o atentado de 14 de julho, Bouhlel deixou a barba crescer há pouco tempo e justificou que a mudança da aparência tinha um significado religioso.

O terrorista percorreu em diferentes ocasiões, inclusive no dia do massacre, a Promenade des Anglais (Passeio dos Ingleses), onde cometeu seu crime, segundo as imagens captadas pelas câmaras de segurança do local e de fotos feitas do celular do próprio criminoso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos