Bombardeios de aviões de guerra perto de Damasco deixam 10 mortos

Beirute, 19 jul (EFE).- Ao menos 10 pessoas morreram nesta terça-feira após bombardeios de aviões de guerra em várias partes da zona oeste de Ghouta, o principal reduto opositor dos arredores de Damasco, conforme o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Do total de vítimas, cinco, incluindo duas crianças, perderam a vida em ataques aéreos no povoado de Beit Saua; enquanto outras três vieram a óbito em Harasta e duas, na cidade de Duma, a maior de Ghouta.

Bombardeios similares aconteceram nas localidades de Hush Nasri, Rihan e Arbin, na mesma região. Além disso, helicópteros militares lançaram barris de explosivos contra a cidade de Daraya, ao sudoeste da capital e na zona leste de Guta, sem provocar vítimas. A ONG não detalhou a origem dos aparelhos, mas nos últimos meses os arredores de Damasco são atacados pela força aérea da Síria e da Rússia, aliada do governo de Damasco.

A Síria sofre, há mais de cinco anos, um conflito que já causou a morte de mais de 280 mil pessoas, de acordo com dados do Observatório.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos