Governador de Nova Jersey instiga republicanos que querem Hillary na prisão

Cleveland (EUA), 19 jul (EFE).- O governador de Nova Jersey, Chris Christie, voltou nesta terça-feira ao papel de promotor para instigar àqueles que na Convenção Nacional Republicana pedem aos gritos, com camisetas e cartazes que a democrata Hillary Clinton seja presa.

O ex-promotor federal de Nova Jersey listou as razões pelas quais Hillary deveria ser declarada "culpada" e ser presa, como o apoio à abertura de relações com Cuba, seu trabalho como secretária de Estado no Oriente Médio ou por colocar segredos nacionais em perigo.

"Não podemos ter como comandante-em-chefe alguém que pôs o país em perigo com seu mau julgamento", afirmou Christie, um dos primeiros políticos republicanos que deu seu apoio público a Donald Trump, oficializado hoje como candidato do partido para as eleições de novembro.

"A carreira de Hillary e os fatos a desqualificam", comentou Christie, estimulando um público que em alguns casos vestia camisetas com a frase "Hillary para a prisão".

"Precisamos de alguém que não tenha medo e que lidere", concluiu Christie em referência a Trump.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos