Presos acusados de ligação com terrorista de Nice comparecerão ao tribunal

(Atualiza com o descobrimento de um fuzil e nomes de alguns acusados).

Paris, 21 jul (EFE).- Os cinco presos suspeitos de terem prestado auxílio direta ou indiretamente a Mohammed Bouhlel, autor do atentado da semana passada em Nice, na França, comparecem nesta quinta-feira perante o juiz, anunciou a Promotoria de Paris.

Em um breve mensagem, a Promotoria de Paris - única com experiência em matéria antiterrorista na França - afirmou que serão anunciadas as acusações dos quatro homens e duas mulheres, entre 22 e 42 anos.

O mais jovem foi detido no sábado e é quem recebeu uma mensagem de celular de Bouhlel apenas 15 minutos antes do ataque no Passeio dos Ingleses com o caminhão que tinha alugado e atropelasse centenas de pessoas que presenciaram os fogos de artifício da Festa Nacional francesa.

Nessa mensagem, o terrorista - que matou 84 pessoas e feriu 331 - pedia mais armas - a este homem de 22 anos, que os veículos de imprensa local identificaram como Ramzy A.

De acordo com as declarações do jovem durante seu interrogatório, a arma usada pelo autor do massacre contra os policiais pouco antes de ser morto tinha sido fornecida por um albanês (apresentado como Artan), que está preso desde a última quinta-feira e também comparecerá ao tribunal.

Os investigadores também prenderam no último domingo um homem que tinha estado em contato com o terrorista e que aparece como o destinatário da remessa de armas que Bouhlel pediu pouco antes de cometer o atentado.

Por outro lado, as forças da ordem encontraram ontem um fuzil AK-47 atribuído a Ramzy, durante uma investigação para esclarecer as cumplicidades e os preparativos do atentado, revelou hoje o canal "iTélé".

Junto com esse fuzil havia uma bolsa com munições, que não eram correspondentes dessa arma.

A ação foi reivindicada pelo Estado Islâmico (EI), mas o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, reconheceu que não há nenhum vínculo do assassino com a organização terrorista.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos