Inusitado concurso de sósias de Hemingway define seus finalistas

Miami, 22 jul (EFE).- O concurso de sósias do escritor Ernest Hemingway, realizado anualmente na cidade de Key West (Flórida), definiu nesta sexta-feira os 13 finalistas, de um total de mais de 130 inscritos, que mais se parecem com o vencedor do prêmio Nobel de Literatura.

O tradicional bar Sloppy Joe's, o favorito do escritor durante os mais de dez anos que viveu em Key West, publicou hoje a lista dos 13 "Hemingways" que superaram a primeira fase eliminatória do concurso, realizada nesta quinta-feira à noite.

Desde ontem e até domingo, Key West homenageia o autor de romances como "Adeus às armas" e "O velho e o mar", de cujo natalício se completaram 117 anos nesta quinta-feira, o que foi celebrado como deve ser, com uma festa com bolo e velinhas.

As chamadas Jornadas Hemingway são realizadas nesta época do ano desde os anos 80 e o concurso de sósias do escritor é a atividade principal, mas não a única.

Os 13 sósias que concorrerão hoje, além de ter cabelo e barba grisalhos e usar roupas típicas de safári, são "figurinhas fáceis" no concurso, exceto um deles, Jeffrey Peters, de Carroll, Ohio.

O mais veterano nesta contenda, por outro lado, é Hank Wielgosz, de Melbourne (na costa leste da Flórida), que participou em 23 ocasiões.

Neste ano um dos participantes introduziu uma novidade no vestuário tradicional da competição, segundo indicou hoje o escritório de informação da região de Florida Keys.

Este aspirante ao título, não identificado, se apresentou com uma peruca loira de mulher, os lábios pintados e muitas joias para emular a modelo e atriz Mariel Hemingway, neta do escritor.

O júri está formado por outras sósias de Hemingway que participaram ou ganharam em edições passadas, segundo os organizadores.

Hemingway passou longas temporadas em Key West, principalmente durante os invernos, desde o final da década dos anos 20 até o fim dos anos 30.

Nesta ilha, hoje unida ao continente por uma sucessão de pontes entre a região de Florida Keys, Hemingway escreveu muitas de suas obras, como "Por quem os sinos dobram", e praticou a pesca, um de seus esportes preferidos, que também desfrutava na vizinha Cuba.

A cidade também realizará um leilão de objetos relacionados com o escritor, um campeonato de queda de braço e um torneio de pesca.

Além disso, a Hemingway Look-Alike Society anunciará os ganhadores das bolsas de estudos que concede anualmente a estudantes de Key West.

Segundo o site "KeyNets", Hemingway chegou pela primeira vez a Key West em 1928 a bordo de um navio procedente de Havana e, embora a princípio só fosse fazer uma parada, acabou passando ali longas temporadas até 1939.

A vila de estilo colonial onde residiu é hoje um museu e os jardins do edifício onde se encontra um apartamento no qual se alojou no início de sua estadia em Key West também podem ser visitados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos