Ataque suicida durante manifestação de minoria étnica no Afeganistão mata 20

Cabul, 23 jul (EFE).- Pelo menos 20 pessoas morreram e outras 160 ficaram feridas após um terrorista suicida se explodir durante uma manifestação da minoria étnica hazara neste sábado em Cabul, no Afeganistão, informou à Agência Efe o porta-voz do Ministério da Saúde Pública do país, Ismial Kawis.

A explosão aconteceu na região de Dehmazang, e, segundo uma fonte policial que pediu anonimato, "teme-se que o número de vítimas seja ainda maior".

O ataque aconteceu durante uma manifestação de milhares de afegãos, em sua maioria hazaras, em meio a fortes medidas de segurança em protesto por um projeto do setor de energia do governo que exclui uma província onde vivem muitas pessoas desta minoria, do ramo islâmico xiita.

A comunidade hazara do Afeganistão, um país predominante sunita e no qual os xiitas representam 9% da população, foi alvo de diversos sequestros em massa e assassinatos por intolerância por parte dos talibãs e de outros grupos insurgentes nos últimos dois anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos