Exército sírio envia SMS para que moradores do leste de Aleppo deixem cidade

Beirute, 26 jul (EFE).- O Exército da Síria está enviando mensagens de texto para os celulares dos moradores dos bairros da zona leste da cidade de Aleppo (norte), sob controle opositor e assediados pelas autoridades, para encorajá-los a deixar suas casas.

Em comunicado, o Comando-geral das Forças Armadas explicou que pediu aos habitantes para que se unam "às reconciliações nacionais" e expulsem "os mercenários" das áreas onde vivem.

Nos SMSs, o Exército informa a localização exata de "corredores seguros" para que os cidadãos possam passar e o endereço de centros de acolhimento temporário. Além disso, os militares garantem os recursos básicos para que as pessoas possam sobreviver fora de casa.

As Forças Armadas também mandaram mensagens aos membros dos grupos armados para que largue as armas e regularizem a situação perante as autoridades.

No último dia 17, os soldados tomaram o controle da única via de provisões que restava para os bairros do leste de Aleppo, e concluíram o cerco a esta parte da cidade, sob controle opositor. Nas últimas 24 horas, pelo menos 25 pessoas morreram, entre elas cinco crianças, no bairro de Al Mashhad, em Aleppo, na queda de barris de explosivos lançados por helicópteros militares.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos