Bill Clinton prega união ao defender Hillary: "Nos fará mais fortes juntos"

Filadélfia (EUA), 26 jul (EFE).- O ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, enviou nesta terça-feira uma mensagem a latinos e muçulmanos, alvos frequentes dos ataques do republicano Donald Trump, para que ajudem a candidata democrata, sua esposa Hillary Clinton, a ganhar as eleições de novembro.

"Hillary nos fará mais fortes juntos", disse o ex-presidente em seu discurso na Convenção Nacional Democrata, realizada no ginásio Wells Fargo Center, na Filadélfia.

A última parte do discurso de Bill Clinton foi um tratado a favor da integração, em contraste com a mensagem habitual de Trump.

"Se você é muçulmano e ama os Estados Unidos e a liberdade, e odeia o terror, fique aqui e nos ajude a ganhar", clamou o ex-presidente, que também fez um apelo a favor da aprovação de uma reforma migratória no país.

Clinton também perguntou aos presentes no ginásio Wells Fargo Center sobre as diferenças entre a imagem de Hillary Clinton apresentada pelos democratas e a dos republicanos.

"Uma é real, a outra é inventada", disse entre risos o ex-presidente, que acusou os republicanos de terem criado uma "caricatura" de sua esposa para concorrer contra ela ao invés de enfrentar a Hillary "real".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos