Avião da companhia Emirates sofre acidente ao realizar pouso forçado em Dubai

Abu Dhabi, 3 ago (EFE).- Um avião da companhia Emirates Airlines procedente da Índia com 300 pessoas a bordo entre passageiros e tripulação pegou fogo após ter de realizar um pouso forçado no Aeroporto Internacional de Dubai, sem que haja informações sobre vítimas, de acordo com as autoridades locais.

Em comunicado, o Executivo afirmou que todos os passageiros foram evacuados, mas não deu mais detalhes sobre as causas do acidente, que já está sendo investigado. Um vídeo gravado por testemunhas, ao qual a Agência Efe teve acesso, mostra uma explosão no interior da aeronave, de onde saem colunas de fumaça.

A Emirates usou sua conta no twitter para confirmar que os 282 passageiros, entre eles dois brasileiros, e os 18 membros da tripulação a bordo do Boing 777, que saiu da cidade de Thiruvananthapuram, no sul da Índia, se encontravam bem.

"Nossa máxima prioridade agora é a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos", publicou a Emirates na rede social, onde acrescentou que está colaborando com as autoridades e os serviços de emergência para controlar a situação.

Ainda de acordo com a companhia, o incidente ocorreu às 12h45 local. As governo do país árabe, por sua vez, informou que todos os voôs com saída do Aeroporto Internacional foram atrasados até pelo menos às 17h local, e que os vôos com previsão de aterrisagem em Dubai foram desviados para outros aeroportos locais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos