Funcionário da Defesa Civil dos EAU morre em acidente de avião em Dubai

Abu Dhabi, 3 ago (EFE).- Um integrante da equipe de resgate da Defesa Civil dos Emirados Árabes Unidos (EAU) morreu nesta quarta-feira quando trabalhava na extinção do incêndio originado a bordo de um avião da companhia Emirates que se acidentou no Aeroporto Internacional de Dubai, informou a Autoridade de Aviação Civil do país árabe.

Em comunicado, a Autoridade garantiu que não há indícios de que o acidente tenha ocorrido por "razões de segurança", em referência a um possível atentado ou sabotagem do avião, nem por erros na manutenção do equipamento.

O voo EK521 procedente da cidade de Thiruvananthapuram (Trivandrum), no sul da Índia, sofreu um acidente no momento da aterrissagem em Dubai, às 12h45 locais (5h45 de Brasília) de hoje.

Um incêndio aconteceu a bordo da aeronave quando ela estava na pista de aterrissagem, mas todos os passageiros e a tripulação foram evacuados sem ferimentos, e a situação foi controlada posteriormente pelas autoridades, segundo elas mesmas anunciaram.

Em um vídeo do qual a Agência Efe teve acesso e que foi gravado por testemunhas, é possível ver uma explosão no interior do avião quando este estava parado na pista de aterrissagem, de onde saíam intensas colunas de fumaça.

A companhia Emirates informou que 282 pessoas estavam a bordo da aeronave, além de 18 integrantes da tripulação, de distintas nacionalidades.

O tráfego aéreo ficou afetado durante várias horas e acabou sendo restabelecido durante a tarde, por volta das 18h locais (11h de Brasília).

A grande maioria dos passageiros era da Índia, já que o voo vinha deste país, além de 24 viajantes do Reino Unido, seis dos EUA e outros de países árabes da região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos