Cubano confecciona charuto gigante e tenta bater novo recorde no Guinness

Havana, 4 ago (EFE).- O tabaqueiro cubano José Castelar Cairo, conhecido como "Cueto", está confeccionando em Havana um novo charuto gigante para tentar quebrar sua marca anterior de 81,80 metros de comprimento, estabelecida em 2011, e assim alcançar o sexto recorde no Guinness Book em sua corrida pelo maior "puro" do mundo.

Ele explica que "a dimensão ainda não foi definida", mas que espera concluir o trabalho até o próximo dia 12.

"Sou cubano e estou representando o meu país no mundo inteiro. Isso me deixa muito satisfação e me dá motivo para continuar fazendo charutos deste tipo. Tenho cinco recordes no Guinness e neste momento estou tentando fazer o sexto", disse ele, que já torceu mais de 30 metros do megatabaco.

Seu trabalho é acompanhado pelo responsável pela seção política e de publicidade da embaixada britânica em Havana, Anthony Henderson, único habilitado em Cuba para certificar a veracidade para o livro de recordes Guinness. Uma equipe de dez colaboradores, entre eles uma fisioterapeuta, ajuda o tabaqueiro nesta empreitada para a qual foram reservados dez espaços ligados entre sim na Fortaleza San Carlos de la Cabaña, a maior edificação militar construída pela Espanha na América no século 18.

Aos 72 anos, José Castelar Cairo trabalha na loja pública de tabacos "La Triada", e desde que começou a fazer estes singulares charutos participou de feiras turísticas e eventos culturais e de promoção em diversos países, inclusive no Brasil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos