Colômbia e Venezuela acertam criação de um "cartão de fronteira"

Caracas, 4 ago (EFE).- Os governos da Colômbia e Venezuela, se reuniram na quinta-feira em Caracas para abordar a situação do território de fronteira, e concordaram com a criação de um "cartão de fronteira" para cidadãos colombianos e venezuelanos que habitem na região fechada há quase um ano pelas autoridades venezuelanas.

O acordo foi acertado na reunião entre as chanceleres da Colômbia, María Ángela Holguín; e da Venezuela, Delcy Rodríguez, junto com suas respectivas delegações na capital venezuelana, para abordar a situação da fronteira e estabelecer uma agenda de trabalho que permita sua reabertura.

Ficou acordado "a criação da cartão de fronteira para os cidadãos venezuelanos e colombianos da fronteira, onde estará contida a informação básica das atividades que se desenvolvem na fronteira", informou Delcy Rodríguez feita ao lado da ministra colombiana.

O documento "obviamente vai a estar submetido a rigorosos controles para que os cidadãos tenham acesso não somente a seu cartão de fronteira mas também possam gerar deveres e direitos", indicou sem precisar mais detalhes.

A proposta feita pela Colômbia e que foi bem recebida pela Venezuela "vai ser muito útil para todas as pessoas que vivem na fronteira", informou María Ángela Holguín, que retornou para Bogotá após um breve encontro com o presidente venezuelano, Nicolás Maduro. EFE

igr/phg

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos