Alerta de tsunami é cancelado após terremoto de 7,6 graus no Pacífico Sul

Sydney (Austrália), 12 ago (EFE).- O Centro de Alerta de Tsunami no Pacífico, instalado no Havaí, emitiu nesta sexta-feira (data local) um alerta de tsunami - cancelado logo depois - para Vanuatu, Nova Caledônia e Fiji após um terremoto de 7,6 graus registrado nas águas do Pacífico Sul.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos, que registra a atividade sísmica no mundo todo, localizou o hipocentro a 16 quilômetros de profundidade e 108 quilômetros ao leste Hunter, em Nova Caledônia.

O Centro de Alertas de Tsunami no Pacífico emitiu um alerta de tsunami para um raio de 1.000 km do epicentro do terremoto que afetou os três países, mas cancelou o alerta 20 minutos depois.

"Baseado nos parâmetros preliminares, ondas geradas pelo terremoto já não representam uma ameaça de tsunami", afirmou o centro em comunicado.

Várias ilhas do Pacífico Sul se assentam sobre o chamado "Anel de Fogo do Pacífico", uma área de grande atividade sísmica e vulcânica sacudida por 7 mil tremores ao ano, a maioria moderados.

Em abril de 2007, um terremoto de 8,1 graus nas Ilhas Salomão gerou um tsunami que matou cerca de 30 pessoas e destruiu boa parte da ilha de Gizo, no oeste do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos