Talibãs enforcam seis reféns em público no Afeganistão

Cabul, 16 ago (EFE).- Os talibãs enforcaram seis reféns diante do público, cinco deles membros de forças de segurança, que estavam sequestrados há um mês na província de Farah, no oeste do Afeganistão, informou nesta terça-feira à Agência Efe uma fonte oficial.

"Dois eram policiais, três membros do Exército afegão e o outro ainda não foi identificado", disse o chefe de Segurança da Polícia nesta província, Ghaws Malyar.

O enforcamento aconteceu na tarde de ontem "perante centenas de pessoas" no distrito de Bakwa, uma zona de insegurança à qual foram enviadas forças de segurança para recuperar os corpos, indicou o responsável policial.

Os reféns tinham sido sequestrados há um mês quando viajavam em diferentes ônibus na estrada de Herat (oeste) a Kandahar (sudeste) durante a passagem por Farah, afirmou.

Um porta-voz talibã, Zabihula Mujahid, garantiu à Agência Efe que os insurgentes estão reunindo informações sobre os fatos.

Os enforcamentos, os fuzilamentos e as decapitações são ações recorrentes dos talibãs no Afeganistão.

Os insurgentes mataram em maio no sudeste do Afeganistão dois ex-policiais quatro dias após tê-los sequestrado quando viajavam em um veículo, enquanto em fevereiro decapitaram três soldados e um policial que tinham sido capturados durante um enfrentamento no noroeste do país asiático.

Os talibãs ganharam terreno em várias zonas do Afeganistão após o fim da missão de combate da Otan em 2014 e desde finais de 2015 dominam quase um terço do território, segundo dados dos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos