PP autoriza Rajoy a negociar com os liberais do Ciudadanos

Madri, 17 ago (EFE).- A direção do governante Partido Popular (PP, centro-direita) autorizou nesta quarta-feira seu líder, Mariano Rajoy, a negociar com os liberais do Ciudadanos um acordo para obter seu apoio e se manter à frente do Executivo.

Fontes do partido informaram que o Comitê Executivo do PP deu permissão a Rajoy para que abra uma negociação com o Ciudadanos sobre as as seis condições que esta legenda propõe, entre as quais figura que nenhum funcionário público acusado ocupe postos no Executivo ou no Parlamento, assim como uma nova Lei Eleitoral que atribua cadeiras de modo mais proporcional e acabar com os indultos por corrupção política.

Além disso, o Ciudadanos quer limitar os mandatos a oito anos; criar uma comissão de investigação sobre o suposto financiamento irregular do PP e permitir que os funcionários públicos acusados sejam julgados pelos tribunais ordinários.

As eleições do dia 26 de junho foram vencidas pelo PP, com 137 cadeiras, na frente dos socialistas (PSOE) com 85; da coalizão de esquerda Unidos Podemos, com 71, e dos liberais do Ciudadanos com 32.

O próprio Rajoy deve dar explicações públicas sobre o processo que se abre agora depois que o Comitê Executivo do PP o autorizou a negociar com o Ciudadanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos