Ataque talibã em Dia da Independência afegã deixa dois mortos e 50 feridos

Cabul, 18 ago (EFE).- Pelo menos duas pessoas morreram e 50 ficaram feridas, em sua maioria civis, em um ataque talibã com morteiros nesta quinta-feira contra um ato em uma cidade do leste do Afeganistão quando era lembrado o Dia da Independência do país.

O fato ocorreu por volta das 10h30 local (3h, em Brasília), quando os talibãs lançaram desde uma colina três rodadas de morteiro contra o evento em Asadabad, capital da província de Kunar, disse à Agência Efe o porta-voz do governador regional, Abdul Gani Mosamem.

O porta-voz indicou que todas as vítimas foram civis, salvo um policial que ficou ferido.

Mosamem especificou, além disso, que a maioria dos feridos se encontra fora de perigo.

O Exército se desdobrou na zona para evitar futuros ataques desse tipo, concluiu o porta-voz.

O Afeganistão celebra hoje com diferentes atos seu Dia da Independência, que lembra a expulsão dos britânicos de seu território no século XIX pelas mãos do rei afegão Amanullah Khan Ghazi.

Antes do ataque, os talibãs tinham avisado que se opunham a esse tipo de evento, já que o Afeganistão não tinha motivos para celebrar o Dia da Independência ao estar ainda imerso em uma ocupação pelas mãos dos britânicos e, sobretudo, americanos.

A invasão dos Estados Unidos em 2001 supôs a derrocada do regime talibã.

O presidente americano, Barack Obama, anunciou no começo do mês passado que os EUA manterá 8,4 mil de seus atuais 9,8 mil militares no Afeganistão, frente aos 5,5 mil previstos inicialmente a partir de janeiro de 2017, quando ele deixa o poder.

A Otan, que acabou formalmente sua missão militar o 1º de janeiro de 2015, também manterá para 2017 o atual contingente de 12 mil soldados que se encontra no país em tarefas de formação, assessoria e assistência às forças afegãs.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos