ONU reivindica trégua de 48 horas em Aleppo para ajudar 2 milhões de pessoas

Genebra, 18 ago (EFE).- Cerca de 2 milhões de civis que vivem em Aleppo, na Síria, necessitam que as partes que lutam pelo controle da cidade façam uma pausa no conflito por pelo menos 48 horas para permitir a entrada de ajuda vital, insistiu nesta quinta-feira a ONU.

"Pedimos uma pausa de pelo menos 48 horas, insistimos nisto para fazer algo que seja minimamente significativo para Aleppo. Estamos prontos para atuar", disse o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura.

A assistência humanitária, acrescentou, poderia assim chegar tanto no leste da cidade, controlada pelos grupos rebeldes, como na região oeste, dominada pelas forças governamentais e suas milícias aliadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos