PP e liberais assinam pacto anticorrupção na Espanha para iniciar negociação

Madri, 19 ago (EFE).- O conservador PP e os liberais Ciudadanos assinaram nesta sexta-feira um pacto anticorrupção na Espanha, a condição prévia interposta pela legenda emergente para começar a negociar o apoio à posse do chefe do Executivo interino, Mariano Rajoy, e desbloquear a formação de governo.

As condições do Ciudadanos, um partido novo que entrou no Congresso nas eleições de dezembro de 2015, são que nenhum funcionário público acusado ocupe postos no Executivo nem seja deputado, assim como a entrada em vigor de uma nova lei eleitoral mais proporcional.

Também inclui acabar com os indultos por corrupção política; a limitação de mandatos a oito anos do presidente do Governo, e a criação de uma comissão de investigação no Congresso sobre o suposto financiamento irregular do PP.

Este acordo, requisito dos liberais para iniciar as negociações do acordo de posse, foi assinado hoje pelos porta-vozes dos grupos parlamentares de ambos os partidos no Congresso espanhol.

Apesar deste início das negociações para um acordo de posse entre liberais e conservadores, Rajoy tem que reunir o apoio de mais partidos até o dia 30 de agosto, quando começa o debate de sua posse, já que só contaria com o apoio de 169 cadeiras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos