Polícia Montada do Canadá autorizou uso do hijab por agentes em janeiro

Toronto (Canadá), 23 ago (EFE).- A Polícia Montada do Canadá permitiu o uso do hijab, o véu muçulmano, em janeiro, mas nenhuma agente pediu para usar a peça até agora, de acordo com reportagem publicada nesta terça-feira pelo jornal "La Presse".

Em janeiro, o diretor da Polícia Montada, Bob Paulson, comunicou ao ministro da Segurança Pública do país, Ralph Goodale, por carta, a decisão de permitir o uso do hijab, entre outras razões, com o objetivo de atrair mulheres muçulmanas para trabalhar na instituição.

"A decisão de permitir o uso do hijab em conjunto com o uniforme da Polícia Montada tem a intenção de refletir melhor a diversidade que existe em nossas comunidades e encorajar mais mulheres muçulmanas a considerar o trabalho policial como opção profissional", afirmou Paulson na carta, obtida pelo diário em virtude da Lei de Acesso à Informação do país.

Além da Polícia Montada, a força policial federal do Canadá, outras duas instituições policiais do país já permitem o uso do hijab: a Polícia de Toronto, desde 2011, e a Polícia de Edmonton, desde 2013.

A Polícia Montada do Canadá permite que seus agentes incorporem turbantes a seus uniformes desde 1990. Naquele ano, a Corte Suprema do Canadá decidiu que os agentes da religião sikh não poderiam ser proibidos de usar a peça, já que o veto seria inconstitucional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos