Casa Branca se reúne com equipes de Trump e Hillary para falar de transição

Washington, 25 ago (EFE).- Funcionários do alto escalão da Casa Branca se reuniram nesta quinta-feira com representantes das campanhas de Donald Trump e Hillary Clinton para garantir a transição do próximo presidente dos Estados Unidos, que assumirá o poder em 20 de janeiro de 2017.

Esta é a primeira vez que o governo de Barack Obama mantém um encontro com representantes das duas campanhas para falar da transferência de poder que acontecerá após as eleições presidenciais de novembro, disse à Agência Efe a porta-voz adjunta da Casa Branca, Jennifer Friedman.

A reunião esteve liderada pelo chefe de gabinete de Obama, Denis McDonough, e nela estiveram presentes três representantes de cada uma das campanhas presidenciais, explicou a porta-voz.

Por parte de Hillary compareceram o ex-secretário de Interior Ken Salazar, chefe da equipe de transição da candidata democrata; e dois altos assessores políticos da campanha, Ed Meier e Ann O'Leary.

Já a campanha de Trump esteve representada pelo chefe da equipe de transição do candidato republicano, o governador de Nova Jersey Chris Christie; pelo diretor-executivo dessa equipe, Rich Bagger, e pelo diretor para nomeações presidenciais da campanha, Bill Hagerty, segundo a Casa Branca.

"A transferência pacífica de poder de uma Administração para outra é um pilar da democracia americana e esta Administração está comprometida a estabelecer e executar um plano de transição que minimize os obstáculos e mantenha a continuidade", afirmou Friedman em um e-mail enviado à Efe.

Entre os 14 funcionários da Casa Branca presentes à reunião estavam o diretor de inteligência nacional dos EUA, James Clapper; a assessora de segurança nacional de Obama, Susan Rice; a assessora do presidente para a luta contra o terrorismo, Lisa Monaco; e o conselheiro legal Neil Eggleston.

A reunião de hoje tratou dos "esforços de planejamento" para a transição nas distintas agências governamentais, da preparação para emergências, dos processos de incorporação de pessoal e das "próximas metas" para as quais é preciso se preparar, segundo a porta-voz.

Esta é a segunda reunião do Conselho de Coordenação da Casa Branca para a Transição, que foi criado por Obama em maio e que manteve seu primeiro encontro de preparação em 9 de junho, mas esta é "a primeira vez" que a reunião conta com a participação de representantes "de ambas as campanhas", de acordo com Jennifer.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos