Reitora eleitoral diz que revogatório será continuado no fim de outubro

Caracas, 29 ago (EFE).- A reitora do Conselho Nacional Eleitoral da Venezuela (CNE) Socorro Hernández afirmou nesta segunda-feira que a próxima fase de requisitos para ativar o referendo que visa revogar o mandato do presidente, Nicolás Maduro, será realizada entre os dias 24 e 30 de outubro.

Hernández disse em entrevista ao canal "Venevisión" que a data para esta etapa, que consiste na coleta do apoio de 20% dos inscritos no registro eleitoral (3,9 milhões de venezuelanos), já tinha sido anunciada.

No entanto, a respeito deste cronograma, a própria Hernández informou na quarta-feira passada que o CNE tinha solicitado à Junta Nacional Eleitoral que considerasse a realização desta coleta na última semana de outubro, mas ainda não houve um anúncio oficial sobre este pedido.

Sobre a passeata opositora prevista para a quinta-feira em Caracas e que tem como objetivo pressionar o Poder Eleitoral para que publique o cronograma do revogatório, a reitora afirmou que trata-se de uma estratégia política, e disse não entender a exigência "porque realmente já tem uma resposta".

"Eles (oposição) já têm essa resposta, na semana passada demos a instrução à Junta (Eleitoral) para que realizasse o cronograma, levando em conta critérios que definimos e entregamos, e considerando o tempo, que era essa semana", sustentou.

Hernández afirmou que o CNE não definiu o critério para a coleta dos 20%, mas considerou provável que seja aplicado o mesmo que foi utilizado na fase anterior, quando os solicitantes precisaram conseguir o apoio de 1% do censo eleitoral em cada estado do país.

Além disso, adiantou que o processo de coleta durará 21 horas, sendo sete diárias, e que o número de máquinas a ser usado será calculará com base na norma.

A aliança de partidos Mesa da Unidade Democrática (MUD), solicitante do referendo, exigiu ao CNE que acelere os prazos, que a coleta dos 20% seja feita com critério nacional, e não por estados, e que sejam disponibilizados 14,5 mil centros e 40 mil máquinas para esta fase.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos