Evo Morales condena "golpe parlamentar" no Brasil e convoca embaixador

La Paz, 31 ago (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, condenou nesta quarta-feira o que considera um "golpe parlamentar" no Brasil contra Dilma Rousseff e convocou seu embaixador em Brasília, José Antonio Kinn, para consultas.

"Condenamos o golpe parlamentar contra a democracia brasileira. Acompanhamos Dilma, Lula e seu povo nesta hora difícil", disse Morales no Twitter.

Em outro tweet, Morales anunciou a convocação do embaixador boliviano no Brasil "para assumir as medidas que neste momento são aconselhadas".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos