Exército turco mata pelo menos 20 rebeldes do PKK no sudeste, afirma imprensa

(Acrescenta um novo balanço de soldados mortos)

Ancara, 2 set (EFE).- O Exército turco matou na noite de quinta-feira pelo menos 20 rebeldes do proscrito Partido dos Trabalhadores de Curdistão (PKK) no sudeste do país, informaram nesta sexta-feira a mídia local.

Na mesma operação, lançada na província de Hakkari e que contou com apoio da Força Aérea turca, um soldado morreu e outros seis ficaram feridos, afirma a emissora "CNNTÜRK".

O jornal "Hürriyet" informa, além disso, que quatro agentes de segurança morreram e quatro ficaram feridos hoje em um enfrentamento com militantes do PKK no distrito de Caldiran, na província de Van, no extremo leste do país.

O Exército lançou também uma operação contra a guerrilha curda na província de Tunceli, em Anatólia, com o apoio de helicópteros de ataque, sem que haja por enquanto mais detalhes.

Em outro incidente, o PKK atacou hoje um veículo militar com uma bomba que explodiu em uma estrada na província de Bitlis, no sudeste da Turquia, deixando dois soldados feridos.

O PKK e o governo turco suspenderam em julho do ano passado um cessar-fogo que tinha durado mais de dois anos, e desde esse momento morreram milhares de guerrilheiros e centenas de soldados e agentes de segurança.

O PKK luta desde 1984 contra o Estado turco a favor de mais direitos para os 12 milhões de curdos no país.

Desde então, morreram mais de 45 mil pessoas em enfrentamentos e atentados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos