Morre ator Jon Polito, aos 65 anos

Los Angeles (EUA), 2 set (EFE).- O ator americano Jon Polito, uma presença habitual nos filmes dos irmãos Coen, morreu aos 65 anos, informou nesta sexta-feira seu amigo e diretor de cinema John McNaughton no Facebook.

A revista especializada "The Hollywood Reporter" confirmou o falecimento do intérprete na cidade californiana de Duarte devido a um câncer, que foi diagnosticado em 2010.

Nascido na Filadélfia, em 29 de dezembro de 1950 e de ascendência italiana, Polito ganhou fama por seus pequenos, mas memoráveis, papéis para diversos filmes dos irmãos Coen e, com frequência, ao longo de sua carreira deu vida a personagens mafiosos com um toque extravagante e humorístico.

Seu nome aparece em filmes dos Coen como "Ajuste Final" (1990), "Barton Fink: Delírios de Hollywood" (1991), "O Grande Lebowski" (1998) e "O homem que não estava lá" (2001). No ano passado, participou de pelo menos três séries e para o ano que vem está previsto chegar às telonas "The Maestro", ainda sem título em português.

Polito, que começou sua carreira profissional na Broadway, atuou também com Clint Eastwood em "A Conquista da Honra" (2006) e com Tim Burton em "Grandes Olhos" (2014).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos