EI perde controle de suas últimas populações na fronteira sírio-turca

Cairo, 4 set (EFE).- O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) perdeu neste domingo o controle das últimas populações que dominava nas cercanias da fronteira entre Síria e Turquia, após uma ofensiva de facções rebeldes que contou com apoio de aviões e tanques turcos, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Estas populações se encontram na região situada entre Jarabulus e Al Rai, no norte da província de Aleppo, na Síria.

Os jihadistas do EI se retiraram das duas últimas localidades que controlavam na região, Al Qadi e Tel Mizab, por isso acabaram perdendo o contato com o exterior, acrescentou o OSDH.

Além disso, os extremistas perderam a ligação que havia entre as localidades de Jarabulus e Al Rai, que era o alvo das facções rebeldes e de seus aliados turcos nesta ofensiva.

O OSDH também informou que os rebeldes tomaram o controle de outra cidade situada 13 quilômetros a oeste de Al Rai.

O jornal turco "Hürriyet" informou no sábado que o exército do país enviou 20 tanques, cinco blindados, caminhões e maquinaria pesada para as cercanias de Al Rai, para lutar contra o EI.

Segundo o OSDH, as forças turcas estão apoiando os rebeldes sírios nas batalhas contra os jihadistas na região, dentro da ofensiva que foi lançada pela Turquia na semana passada contra o EI e também contra as milícias curdas, para evitar que estas últimas assumissem o controle de amplas áreas na fronteira sírio-turca.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos