Ataques suicidas deixam 5 mortos e 13 feridos na capital do Afeganistão

Cabul, 5 set (EFE).- Dois ataques suicidas reivindicados por talibãs perto do Ministério da Defesa do Afeganistão em Cabul, capital do país, deixaram pelo menos cinco mortos e 13 feridos nesta segunda-feira, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

O porta-voz do Ministério da Saúde Pública, Ismail Kawusi, disse à Efe que as vítimas estão sendo levadas de ambulância aos hospitais da cidade e que ainda não tem uma informação completa da situação.

"Houve dois ataques suicidas, o primeiro perto do Ministério e do Palácio Presidencial, que deixou vários feridos. Quando as pessoas chegaram para ajudar às vítimas, houve um novo ataque suicida, no qual morreram e ficaram feridas outras delas", disse Kawusi.

Já o porta-voz da Polícia de Cabul, Basir Mujahid, afirmou que as equipes de investigações já estão analisando o caso.

Os talibãs reivindicaram os atentados por meio de um de seus porta-vozes, Zabihullah Mujahid, que confirmou os ataques realizados por membros do grupo em uma mensagem divulgada pelo Twitter.

"Em frente ao Ministério, primeiro houve uma explosão, depois um ataque suicida. Vários importantes oficiais e soldados morreram ou ficaram feridos", disse Mujahid.

O ataque ocorreu em um momento em que muitos funcionários saiam do Ministério após trabalharem. A região é muito movimentada pela presença do palácio presidencial e outros órgãos do governo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos