EI reivindica atentados em zonas controladas por curdos na Síria

Beirute, 5 set (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) utilizou nesta segunda-feira a internet para reivindicar os dois atentados em áreas sob o controle das forças curdas no nordeste da Síria, através da agência de notícias pela internet "Amaq", vinculada aos radicais.

Em comunicado, cuja autenticidade não pôde ser comprovada, a "Amaq" afirmou que foi "uma operação de martírio com um carro-bomba no bairro de Masaken, na cidade de Hasakah, resultou na morte e ferimentos de aproximadamente 15 seguidores das unidades curdas".

Em outra nota similar, a agência relacionada com os jihadistas afirmou que houve sete mortos e feridos das forças curdas na região de Qamishli, no nordeste sírio, controlada pelos curdos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos