Polícia alemã confisca garrafas de "vinho do Führer" com rosto de Hitler

Berlim, 5 set (EFE).- As forças de segurança alemãs confiscaram de um pequeno restaurante de Augsburgo quatro garrafas do denominado "vinho do Führer", que contém um retrato de Adolf Hitler no rótulo.

Segundo informou nesta sexta-feira que a polícia de Augsburgo, foi aberta uma investigação contra o proprietário do estabelecimento, um alemão de 49 anos, acusado de empregar símbolos identificativos de organizações contrárias à Constituição.

Em uma das garrafas era possível ler a inscrição "Sieg Heil", um lema que costumava ser usado nos atos públicos nazistas e cujo uso é penalizado na Alemanha atual.

Atualmente, são comercializados vários vinhos e cervejas com o rosto ou o nome de Hitler, principalmente na Itália, e sua importação à Alemanha não é ilegal.

As forças de segurança revistaram o restaurante depois que o jornal local "Augsburge Allgemeine" informou sobre a presença das garrafas por causa da denúncia de um leitor que as detectou no bar do estabelecimento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos