Tomateiro vira alvo de discórdia em cemitério da Alemanha

Berlim, 8 set (EFE).- Um tomateiro plantado no túmulo de um cemitério da cidade de Neuburg an der Donau, no sul da Alemanha, desencadeou uma briga entre a neta dos falecidos e a direção do cemitério, publicou nesta quinta-feira a imprensa alemã.

"O cemitério não é um horto", declarou o responsável do local, Elfride Müller, que quer agora a aprovação de uma resolução que proíba plantações no cemitério.

Em junho deste ano, a neta, de 23 anos, plantou o muda em cima do túmulo de seus avôs, em homenagem aos idosos gostavam dessa planta.

"Nós não tínhamos problema algum com os tomates até o diretor do cemitério fazer disto um problema", disse por vez o porta-voz da prefeitura, Bernhard Mahler.

Segundo ele, o prefeito de Neuburg an der Donau, Bernhard Gmehling, também não vê necessidade de atuar e o único pedido feito à jovem foi que ela podasse a árvore para evitar que ela invada as outras sepulturas, o que já foi feito.

De acordo com o jornal "Süddeutsche Zeitung", a decoração dos túmulos é de competência dos correspondentes municípios. Um modelo de estatuto da Câmara de Consulta alemã diz que é preferível o uso de "plantas adequadas" nos campos-santos que não invadam as sepulturas vizinhas e que correspondam ao "caráter particular do cemitério".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos