Número de mortos sobe para 25 em incêndio em Bangladesh

Daca, 11 set (EFE).- O número de mortos no incêndio em uma fábrica de Bangladesh aumentou neste domingo para 25 e pelo menos 16 feridos permanecem internados em hospitais, embora tema-se que possa haver mais corpos nos destroços da instalação, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

O fogo começou ontem após a explosão de uma caldeira em uma linha de produção de vasilhas em Tongi, a cerca de 25 quilômetros ao norte de Daca, quando 75 trabalhadores estavam dentro.

Um dos feridos internados no Hospital Medical College de Daca morreu no começo do dia, disse um porta-voz do posto policial no centro hospitalar, Bacchu Miah, o que elevou o número de mortos para 25.

O porta-voz disse que 15 feridos permanecem neste hospital, alguns em condição crítica.

Outro ferido continua internado no Hospital de Tongi, afirmou o cirurgião responsável pelo centro, Parvez Mia.

O fogo deixou dezenas de feridos, que foram levados a hospitais de Tongi e Daca, embora muitos tenham recebido alta após serem atendidos.

Cinco deles morreram no centro hospitalar da capital bengali, enquanto 20 corpos puderam ser recuperados no local do fato.

"Achamos que ainda poderia haver alguns corpos dentro", declarou o inspetor geral Syed Ahmed, do Departamento de Inspeção de Fábricas do país asiático.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos