Papa quer fixar um dia de oração pelas vítimas de abusos sexuais

Cidade do Vaticano, 12 set (EFE).- O papa Francisco pediu às Conferências Episcopais Nacionais que escolham um dia para homenagear através de orações as vítimas de abusos sexuais de membros do clero, informou a Santa Sé nesta segunda-feira.

O Vaticano explicou que nos "próximos meses a Comissão Pontifícia para a Proteção dos Menores - criada pelo papa Francisco em março de 2014 - terá o seu próprio site". A ideia é impulsionar os esforços da comissão na colaboração com as igrejas locais e divulgar a importância da proteção e ajuda aos menores e adultos vulneráveis através do mundo digital.

A comissão se reuniu em Roma de 5 a 11 de setembro para analisar os projetos em andamento e desenvolver as propostas que serão entregues ao papa.

Foi exatamente uma vítima que sofreu abusos sexuais de membros do clero na infância que propôs à Comissão a criação de um Dia de Oração. O pontífice aceitou e incentivou a ideia com o pedido às conferências episcopais para fixar uma data.

Na semana que a comissão se reuniu foram estudados os progressos dos programas de educação que já estão em andamento, tanto no Vaticano quanto em nível local, e se propôs que seus membros possam dar palestras e participar de diversas conferências e oficinas em todo o mundo. No Vaticano, os membros da comissão foram convidados a dirigir diversos encontros na Academia Eclesiástica Pontifícia e na Congregação para a Vida Consagrada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos