Pela primeira vez, OEA observará eleições nos EUA

Washington, 12 set (EFE).- A ex-presidente da Costa Rica, Laura Chinchilla, liderará a primeira missão de observação eleitoral que a Organização dos Estados Americanos (OEA) enviará aos Estados Unidos, informou nesta segunda-feira o organismo internacional.

A ex-presidente (2010-2014) foi designada pelo secretário-geral da OEA, Luis Almagro, para liderar a missão de observação das eleições presidenciais americanas do próximo dia 8 de novembro, nas quais se enfrentarão o republicano Donald Trump e a democrata Hillary Clinton.

Chinchila, a primeira mulher a ocupar a presidência de seu país, também foi deputada, ministra de Segurança Pública, de Justiça e vice-presidente da Costa Rica.

Em 2015, Chinchila liderou a missão de observação que a OEA enviou ao México para observar as eleições realizadas em 7 de junho daquele ano, acrescentou o organismo em comunicado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos