Ban Ki-moon comparecerá à assinatura do acordo de paz na Colômbia

Nações Unidas, 14 set (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, anunciou nesta quarta-feira que comparecerá à assinatura do acordo de paz entre o governo colombiano e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), no dia 26 de setembro.

Em entrevista coletiva, Ban destacou o significado "histórico" do acordo para encerrar décadas de conflito e o considerou uma demonstração do que é possível se conseguir com "paciência" e uma "diplomacia meticulosa".

"Espero que outros conflitos usem (o acordo) como inspiração e atuem para deter o derramamento de sangue", afirmou o diplomata sul-coreano, que lembrou que a ONU ajudará a implementar o acordo e oferecerá "pleno respaldo" aos colombianos.

Após várias rodadas de negociações realizadas em Havana, o acordo de paz alcançado no mês passado entre o governo colombiano e as Farc será oficialmente assinado no Índias.

Posteriormente, será submetido a consulta popular em um plebiscito a ser realizado em 2 de outubro, aprovado em 18 de julho pelo Tribunal Constitucional e que estabelece que, para conseguir sua aprovação, é necessário que pelo menos 13% do eleitorado vote a favor do "sim".

Com o histórico acordo, as Farc deixarão de existir como organização armada ilegal e se transformarão em um movimento político.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos