Sobe para 23 os mortos em bombardeio na região controlada pelo EI na Síria

Beirute, 16 set (EFE).- O número de mortos em um bombardeio na quinta-feira contra uma região sob o controle do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) no nordeste da Síria aumentou para 23, informou nesta sexta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Entre os mortos há nove menores e duas mulheres, indicou a ONG, destacando também que existem pelo menos 20 feridos.

A fonte explicou que aviões de guerra não identificados realizaram quatro ataques aéreos contra deferentes partes da população de Mayadin, no leste da província de Deir ez Zor, como uma escola, que servia de refúgio para deslocados procedentes de outras áreas, e um estacionamento.

As zonas dominadas pelo EI, normalmente, costumam ser bombardeadas pela coalizão internacional - liderada pelos Estados Unidos -, a aviação russa e a síria.

O EI está excluído do acordo de cessar-fogo, alcançado por Washington e Moscou e que entrou em vigor na última segunda-feira.

Segundo o pacto, essa trégua durará sete dias e depois as duas potências prepararão ataques contra os radicais na Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos