Conselho de Segurança da ONU convoca reunião urgente sobre Síria

Nações Unidas, 17 set (EFE).- O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) se reunirá de urgência ainda neste sábado para manter uma rodada de consultas sobre os últimos eventos na Síria.

Os 15 membros do principal órgão de decisões da ONU se encontrarão a portas fechadas a partir das 19h30 (horário local, 20h30 em Brasília), conforme anunciou a presidência do Conselho liderado neste mês pela Nova Zelândia. A reunião foi convocada a pedido da Rússia, que mais cedo acusou o governo dos Estados Unidos de defender o Estado Islâmico após um bombardeio lançado pela coalizão internacional liderada pelos americanos, no qual, segundo os russos, membros do Exército da Síria foram atacados.

O Ministério da Defesa russo denunciou que, ao todo, 62 soldados morreram e outros 100 ficaram feridos durante o bombardeio da coalizão perto do Aeroporto de Deir ez-Zor, no leste do país.

Pouco depois, o Pentágono admitiu a possibilidade de a coalizão ter bombardedo por engano às forças sírias e afirmou que eles acreditavam estar atacando posições do Estado Islâmico.

"A coalizão revisará este ataque e as circunstâncias que o rodeiam para ver se pode aprender alguma lição", disse o Pentágono em comunicado do Comando Central dos Estados Unidos (Centcom).

O bombardeio aconteceu na véspera do fim do cessar-fogo na Síria acertado em 9 de setembro entre Estados Unidos e Rússia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos